Em boca fechada não entra mosca!!!


Quem me conhece, sabe que gosto muito de compor musicas e escrever poemas, mas muito mais do que isso, amo muito fotografar (rs), então decidi juntar poema e foto, compondo e fotografando com base nos poemas, para postar aqui no blog, espero de verdade que gostem.

Para começar, vou publicar o ultimo poema que fiz, depois de ver um ditado popular no subnick do msn de uma amiga, me inspirei a fazer esses versos, o ditado inicia o poema e abaixo do poema coloquei as fotos que fiz treinando foco manual da minha lente 18-200mm.

Os mestres de kung-fu treinavam a velocidade deles, pegando mosca com hashi (pelo menos, é o que vejo nos filmes rs), já eu, prefiro minha Câmera (rsrs).

Em boca fechada não entra mosca,
nem mosquito ou mariposa;
em boca fechada não entra vento,
se outrora soltava veneno
ou até mesmo fosse um alento,
sempre é melhor mantê-la fechada
para no caso de precisar usá-la.
Mas lembrando que dela só sai
aquilo que for cultivado.
Se cultivas o mal em seu peito,
quando usá-la, verás o estrago,
se cultivas o bem,
quando usá-la verás o contrário.
Cultive, pois, o amor,
cultive para todos ao redor,
cultive-o no coração em silêncio,
um amor calmo e sem defeitos,
podando amores estranhos
e regando sempre com cânticos
Amores de verdade, amores por completo,
amores dados por Deus
para que fosse diferente,
para que sua boca exale vida
no meio de tanta gente,
que não sabe como usar
a boca que Deus lhes deu.
Por isso, já dizia o ditado,
em boca fechada não entra mosca,
e, aqui eu complemento:
nem mosquito ou mariposa.

Espero que tenham gostado!!

se gostou comenta, expresse o que pensou, sentiu quando leu o poema e viu as fotos.

Ficarei muito feliz e grato!!!

Anúncios

Sobre Tato Alves

Fotografo em formação!
Esse post foi publicado em foto, fotografia, Tato Alves, Uncategorized e marcado , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

10 respostas para Em boca fechada não entra mosca!!!

  1. Realmente vc é um menino de multiplos talentos!
    Já conhecia o Tato fotógrafo, o Tato músico, cantando e tocando violão, agora o Tato poeta!r
    Em todas essas versões vc é excelente!!
    Segue em frente que o mundo é seu!

  2. giselasalles disse:

    Não sabia que tinha um amigo que além de fotógrafo é poeta!!!Super homem esse gente!!! rsrsr
    Bjs

  3. Amanda Nelly disse:

    Como já sabia de seus dotes…rs…eu só resolvi comentar pq vc é especial…e gostei mto do poema lembra q vc me mostrou primeiro kkkk bjão

  4. Luciana Aith disse:

    Eu já sabia dos seus múltiplos talentos 🙂
    Parabéns Tato, ficou excelente o post, o poema e as fotos…
    Só você para fazer um verdadeiro ensaio com uma mosca, imagino a dificuldade que foi!!!

  5. Skategirl disse:

    Adorei as fotos das mosquinhas e principalmente o poema.
    Eu acredito que Deus nos deu a boca para falar,comer e amar e nos deu a sabedoria e bondade para saber o que falar e para quem falar.
    Não garanto rosas em sua boca se falares coisas bonitas, e nem moscas se falares coisas feias, mas se falares coisas bonitas para mim ou quem merece receberás em troca sempre o meu respeito e amor. Beijos

  6. Marina Lomar disse:

    hahaha
    muito legal essa mistura descontraída de poesia e fotografia!
    Adorei!

    Bjo!!

  7. Isis Lacombe disse:

    É super querido, super amigo, super conselheiro e super talentoso!!!
    Amei o poema (as fotos também). Dava pra tirar uma bela música dai hein?

    bjos!

  8. Carlos Díaz disse:

    Primeira vez que vejo uma sessão de fotos de uma mosca voando :), parabéns meu amigo, ensaio difícil. Mais um parabéns pelo Blog. Tudo de bom!

  9. PRISCILA GOMES disse:

    Sensibilidade privilegiada!!!…que sua boca exale vida, lindo isso.
    Muita VIDA pra ti.
    O que poderíamos dizer de uma simples mosca?
    Agora o que eu diria de quem está por traz das lentes que captaram imensa grandeza em um simples inseto que por vezes passaria despercebido por todos?
    Tato, olhar singular…que as lentes de sua câmera possam refletir o olhar de sua alma…assim teremos o privilégio de ver a magnitude expressada no “simples”.

  10. Carol Malezon disse:

    Promessa cumprida! Voltei aqui pra ler… Pra variar… ADOREIIII! rss… Acostume-se… vc ganhou uma fã! rss… Bjux…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s